9 Dicas de Hábitos Conscientes para Economia de Água

9 Dicas de Hábitos Conscientes para Economia de Água

Ainda que os governos e a sociedade também devam cuidar da água, podemos fazer nossa parte e nesse artigo, daremos X dicas de hábitos conscientes para economia de água que de tão simples e fáceis de seguir podem mudar o mundo.

Você sabia que um banho em chuveiro elétrico por 15 minutos, pode consumir em média 144 litros de água? E que uma torneira com água pingando pode desperdiçar mais de 20 litros por dia? E que uma válvula de descarga acionada por apenas 5 segundos, pode levar embora mais de 10 litros de água?

Pois é, no nosso dia a dia não percebemos o quanto gastamos de água até se deparar com esses números reais e claros do desperdício, e pior que eles acontecem dentro de nossas casas, quando muitas vezes reclamamos com o poder público que desperdiça água em outros lugares.

9 Dicas de Hábitos Conscientes para Economia de Água

•  Carregue sua própria garrafinha de água

•  Cuide de sua piscina

Uma piscina em um mês quente de verão e com baixa umidade, pode evaporam mais de 4 mil litros de água e para evitar que isso aconteça, acabando com a diversão da família e aumentando o consumo de água, a colocação de uma lona especial para piscinas, pode reduzir a evaporação em 90%.

Outro problema comum em piscinas são os vazamentos. Seja um cano ou mesmo a estrutura (principalmente nas piscinas de alvenaria), piscinas precisam de manutenção constante e a observação de pequenas rachaduras para evitar problemas com infiltrações.

O profissional de Caça Vazamentos possui conhecimento e aparelhos que detectam vazamentos de água em qualquer lugar da piscina com rapidez e faz o conserto sem precisam esvaziá-la, oferecendo mais economia e contribuindo para práticas conscientes de cuidados com a água.

• Reutilize a água da máquina de lavar

A máquina de lavar roupa é um equipamento que auxilia muito a vida doméstica, porém oferece um consumo alto de água.

Para garantir que o uso da água seja mínimo sem comprometer a qualidade e limpeza das roupas, opte por máquinas mais modernas com opção de reutilização da água ou no caso das mais antigas, toda água que seria descartada, armazene em baldes e use para lavar o quintal, banheiros e cozinha ou para descarga no sanitário.

• Use gelo seco com inteligência

O gelo seco é um tipo de gelo com congelamento especial que mantém a solidificação por mais tempo. Muito usado em eventos como festas por exemplo, ele é ideal para conservar bebidas e alimentos frios.

Mas para aproveitar a água de forma consciente, sempre coloque o gelo seco dentro de baldes e deixe que ele derreta naturalmente. Depois de derretido, pode utilizá-lo para limpeza, já que não é recomendado o seu consumo.

• Encurte os banhos

A hora do banho pode ser prazerosa e ao mesmo tempo econômica, bastando tomar o cuidado de seguir algumas regras que com o tempo se tornarão em bons hábitos. Segundo especialistas, um banho com boa economia de água e energia, além de promover a limpeza completa, dura em média 8 minutos.

Portanto, é possível tomar um bom banho em menos de 10 minutos e ainda economizar tempo para outras atividades. Outra dica importante é que quando se ensaboar, deixar o registro do chuveiro fechado e só abrir para se enxaguar.

• Economia na hora de lavar a louça

Lavar louça é outra atividade doméstica que nem sempre é interessante, mas diariamente necessária. Lavar louça pode custar muitos litros de água se não houver o controle e cuidado com a água da maneira certa.

Por exemplo, ao invés de lavar cada prato, talher ou copo com a torneira aberta, mantenha fechada e ensaboe todos os itens, de modo a retirar a sujeira mais grossa e depois lavando item por item, colocando em um escorredor.

Outra dica é usar um ralo com dispositivo de fechamento, pois isso mantém a água dentro da pia ao invés de escoá-la. Essa água pode ser usada posteriormente para a lavagem de outros itens mais sujos como panelas. Caso prefira, use uma bacia para armazenar essa água e utilize para lavar a pia e a cuba.

• Água de cozimento de alimentos

A água usada para a fervura de batatas pode ser usada depois para regar o jardim com uma dose a mais de saúde para as plantas, basta esperar esfriar. A água do macarrão também pode ser usada para isso, ao invés de ser simplesmente descartada na pia.

• Descarga sanitária

A descarga sanitária pode consumir mais de 10 litros de água a cada uso e por isso é tão importante usá-la com consciência. Qualquer água reutilizável pode ser usada na descarga ao invés de acioná-la. Outra dica é trocar a válvula convencional por uma caixa acoplada, que consome menos água a cada descarga.

• Consertar vazamentos de água

Por fim um dos maiores causadores de desperdício de água são os vazamentos. Um furo de 2 milímetros em um encanamento, pode desperdiçar 96 mil litros de água por mês e além do vazamento, causar infiltrações, umidade excessiva, mofo e até favorecer doenças respiratórias.

É fundamental o conserto de vazamentos de água, em especial os ocultos, que demoram a dar sinais. Assim como no caso das piscinas, o profissional indicado para detecção e localização de vazamentos é o profissional em Caça Vazamentos, que utiliza aparelhos com tecnologia avançada e segura, na identificação de vazamentos de água.

O Instituto do Vazamento oferece capacitação profissional e certificação na profissão, oferecendo ao mercado os melhores profissionais no ramo hidráulico de modo a garantir aos clientes serviço de qualidade, rápido, seguro e com garantia total. Conheça o Instituto do Vazamento e as oportunidades que o mercado de Caça Vazamentos tem a oferecer.

Gostou das dicas de economia de água? Deixe seu comentário e confira mais dicas de economia e conserto de vazamentos aqui no blog.

Post anterior
Como se Qualificar em Profissional de Caça Vazamentos
Próximo post
O que é Geofone e Quais os Equipamentos para Localização de Vazamentos
Menu